quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Tataravó dos mamíferos?

Foto: Marilia Reichel/Divulgação

Oi galerinha, é a Marcela quem escreve!

Ganha um doce quem descobrir que bicho é esse aí de cima, com cara de pitbull e corpo de jacaré. É um cinodonte, mais especificamente um Protuberum cabralensis, recém-descoberto por uma equipe do Instituto de Geociências da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Os cinodontes ou dentes-de-cão eram sinapsídeos, ou seja, ancestrais dos mamíferos. A pesquisadora Marina Soares contou que esses bichos tinham características de mamíferos, como cérebro grande, menos ossos nas mandíbulas, além de pelos e temperatura do corpo mais alta. Acredita-se que o Rio Grande do Sul era dominado pelos cinodontes, há 230 milhões de anos.

O exemplar descoberto foi apelidado de Bolotudo, por apresentar calombos enormes nas costelas. As bolotas eram usadas, provavelmente, para ajudar na hora de cavar tocas e se proteger dos predadores. O fóssil que deu origem ao desenho foi descoberto em 1977 pelo padre Daniel Cargnin. Em 1989, ele coletou mais material, parte de um esqueleto articulado e um crânio, no município de Novo Cabrais (daí o nome da espécie, cabralensis).

A peça foi parar num museu e ficou lá. Só agora os pesquisadores resolveram estudá-la. A ossada revelou que o bicho tinha 1 m de comprimento, mais ou menos o tamanho de um cachorro da raça labrador. Tudo bem que o tamanho é o mesmo, mas esse bicho estranho aí não tem nada de fofinho!

Um comentário:

Thaís Dantas disse...

Ai que medo desse bichoo ! :O

beijoos