terça-feira, 16 de março de 2010

Miley para todos os fãs


Hannah Montana e Eu (Panda Books, 256 págs., R$ 40) é a autobiografia de Miley Cyrus, escrita em parceria com Hilary Liftin, que acaba de chegar às livrarias. O livro mostra os principais acontecimentos na vida da estrela teen.

Destiny Hope Cyrus – seu nome verdadeiro - nasceu em Nashville, Estados Unidos, em 23 de novembro de 1992. Conta que mudou o nome porque desde pequena sua avó a chama de Smiley (sorriso, em inglês). A palavra foi abreviada e ficou Miley.

A obra é bacana de verdade, bem humorada (mesmo quando trata de fatos que a deixaram tristes) e com visual que torna a leitura mais agradável. A cantora coloca um monte de comentários nas laterais para explicar melhor as informações que aparecem no texto. Há ainda várias listas como Sete coisas que gostaria de poder mudar em mim mesma, Sete coisas que me deixam triste e Sete coisas que meu Pappy costumava dizer, que a primeira delas é uma que todo mundo conhece: Quanto mais se mexe no cocô, mas ele fede!



Miley pequena com os pais

Quer saber mais? Confira a sinopse da obra feita por Juan Thomé, 16 anos, superfã da Miley:

O livro traz muitas curiosidades, entre elas o capítulo muito esperado pelos fãs: Príncipe Encantado. A garota não divulga o nome, mas quem é fã sabe que Miley fala sobre Nick Jonas (do Jonas Brothers). A cantora afirma que ele foi uma pessoa muito especial em sua vida e que ainda sente alguma coisa guardada no coração.

O início da adolescência não foi fácil. Ver as espinhas chegando e o corpo mudando a assustou. Ela teve de procurar ajuda, pois nem de casa queria sair. Miley lembra o bulling que sofreu antes da fama. Quem diria que uma menina como ela sofria ameaças de três garotas na 6ª série. A estrela diz que nesta situação o melhor a fazer é procurar ajuda com os pais, pois eles tomarão um posicionamento melhor contra esse tipo de agressão.


Quando foi a Los Angeles para gravar o programa teste de Hannah Montana (acima);
dando autógrafos para fãs (abaixo)

Há um capítulo inteiro dedicado a sua melhor amiga Mandy Jiroux. As duas formaram a equipe M&M para postar vídeos no YouTube (http://www.youtube.com/user/mileymandy). No começo tudo foi brincadeira, uma forma de passar o tempo. Agora, virou hobby.

Miley revela ainda como foi gravar o novo filme A Última Canção (The Last Song), que será lançado em abril nos Estados Unidos e em maio no Brasil. Também fala como era apegada ao avô, que foi como um pai para ela até sua morte.

Hannah Montana e Eu é o livro que os fãs de Miley/ Hannah pediram a Deus. Além de sua história de vida, tem dicas e segredos da estrela teen do pop, deixando pra lá a menina má que a mídia idealizou e trazendo a Miley adolescente de volta.

Na obra a cantora deixa bem claro: “Sou uma adolescente comum com o trabalho mais difícil do mundo”. E como diz seu pai, Billy Ray Cyrus: “Se você consegue cantar e assim tirar as pessoas da escuridão com suas letras, você é uma pessoa abençoada”.


A estrela teen no show com os irmãos Jonas

2 comentários:

Jéssica disse...

Amei a materia, super completa *-*

parabéns pra quem escreveu, ótimo colunista :D

pollykeat disse...

Aaah, amei a matéria e amei o livro. Parabééns Juan!!! Sexta te devolvo o livro. A-DO-REI :DD

xoxo.
F.